Os 5 Carnavais mais tradicionais do Brasil

Olinda - Pernambuco

 

Em seus primórdios, a história do carnaval de Olinda confunde-se com a história da folia no Recife e em Pernambuco. Tal como hoje a conhecemos, a maior festa popular do mundo é um evento relativamente recente, sendo marcado pelo surgimento de agremiações como o Clube Carnavalesco Misto Lenhadores, fundado em 1907, e o Clube Carnavalesco Misto Vassourinhas, de 1912, ambos ainda presentes nos carnavais da atualidade.

O carnaval de Olinda preserva as mais puras tradições da folia pernambucana e nordestina.Todo ano, pelas ruas e ladeiras da Cidade Alta desfilam centenas de agremiações carnavalescas e tipos populares, que mantêm vivas as genuínas raízes da mais popular festa do Brasil. São clubes de frevo, troças, blocos, maracatus, caboclinhos, afoxés, cujas manifestações traduzem a mistura dos costumes e tradições de brancos, negros e índios, base da formação do nosso povo e de nossa cultura.

 

Fonte: http://carnaval.olinda.pe.gov.br/historia

Foto: http://carnaval.olinda.pe.gov.br/historia

 

 

 

 

 

Ouro Preto - Minas Gerais

 

Não é segredo para ninguém que o Carnaval de Ouro Preto é um dos mais esperados por milhares de foliões todos os anos. Para aumentar a ansiedade dos turistas que virão a cidade mineira curtir a folia em 2016, alguns dos principais Blocos já começaram a divulgar suas atrações. 

As repúblicas recebem hóspedes de todos os cantos do Brasil e até de outros países, já que sua fama aumenta mais a cada ano. Dentro das repúblicas é impossível ficar com sede, a bebida é liberada por 24h. Mas boas festas não são feitas apenas de bebidas, a animação é garantida com bandas (samba, pagode, pop rock, etc) e djs contratados para não deixar ninguém parado durante todo o carnaval.

 

Fonte: http://www.carnavalouropreto2016.com.br/carnaval-ouro-preto/

Foto: http://www.carnavalouropreto2016.com.br/tire-suas-duvidas-sobre-o-carnaval-de-ouro-preto/

 

 

 

 

 

 

 

Rio de Janeiro- Rio de Janeiro

 

O Carnaval do Rio de Janeiro é considerado o maior carnaval do mundo, desde 2004, pelo Livro dos Recordes. Constitui-se de uma manifestação cultural e festa popular mundialmente famosa e uma celebração constituída por diferentes tipos de manifestações, como desfiles de escola de samba, bailes de carnaval e os blocos e bandas de rua. Também se caracteriza pela irreverência, pelos nomes de duplo sentido (especialmente dos blocos) e pela diversidade.

Atualmente, o carnaval de rua da cidade é cerca de cinco vezes maior que os festejos realizados pelas escolas de samba e apresenta-se como um evento multifacetado, possuindo: blocos dos mais variados ritmos, como samba, marchinhas, ritmos nordestinos, entre outros; e blocos temáticos que tocam de Mamonas Assassinas a Beatles

Após um período de decadência dos festejos de rua, quando o carnaval da cidade resumia-se quase que unicamente aos desfiles das escolas de samba, o carnaval dos blocos e bandas de rua voltou a crescer, entrando oficialmente para o Guinness Book.

O carnaval carioca pode ser considerado um evento cultural de alto prestígio, já tendo sido eleito, pelos internautas do site estrangeiro Fun Party, como a melhor festa do mundo. É citado, constantemente, como o carnaval mais famoso que existe.

 

 

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Carnaval_do_Rio_de_Janeiro

Foto: http://www.ingressocarnaval.com.br/2014/06/venda-de-ingresso-carnaval-2016/

 

 

 

 

 

Salvador - Bahia

 

 

Os foliões festejam em três principais circuitos: Dodô (Barra-Ondina), Osmar (Campo Grande) e Batatinha (Centro Histórico). A maioria dos blocos/trios elétricos que desfilam são pagos, mas há também a programação do Furdunço e blocos sem corda que são gratuitos: conhecidos como carnaval pipoca.

 

Outra opção da programação é curtir o “Carnaval nos Bairros”: são estruturados palcos para realização de shows em bairros como Cajazeiras, Itapuã, Periperi, Plataforma, Pau da Lima e outras regiões. Há também o Palco do Rock, onde é possível conferir uma programação mais alternativa.

 

O  evento é conhecido principalmente pelas diversas opções de Camarotes Particulares que trazem grandes atrações do Brasil para a cidade nesta época do ano. Os dois principais circuitos da festa com camarotes são: Barra Ondina /Dodô (o mais badalado) e o Campo Grande / Osmar.

 

A comemoração carnavalesca na cidade teve início no século 20, assim como todos os outros carnavais do país. A festa é uma grande manifestação cultural e popular que reúne pessoas de diversas idades, estilos, classes e gostos.

 

No início, as comemorações eram feitas na Baixa do Sapateiro e só a partir da década de 50 o Carnaval de Salvador começou a ganhar uma forma mais definida.  Foi em 1950 que o primeiro trio elétrico, que tinha o nome de “Clube Vassourinhas”, desfilou nas ruas da cidade e a partir de então vários outros surgiram para animar as pessoas que estavam nas ruas.

 

Mesmo com os trios já existentes, a tradição mesmo só foi aparecer e se concretizar na década de 60, quando a Prefeitura da cidade organizou concursos de trios, o que gerou uma certa competitividade e fez com que muitos melhorassem os carros a cada ano.

 

Com o grande crescimento da festa, o Carnaval de Salvador começou a atrair patrocinadores a partir de 1990, começou a introduzir novos ritmos como a música afro e a atrair muitas pessoas de outras regiões.

 

 

Fonte: http://carnavalsalvadorbahia.com.br/o-carnaval-de-salvador

Foto: Imagem: Divulgação / Fan Page Oficial e Prefeitura de Salvador – Bahia

 

 

 

 

 

 

 

Manaus - Amazonas

 

 

Carnaval de Manaus é realizado todos os anos, entre os principais eventos estão o tradicional desfile de fantasias (que acontece no Teatro Amazonas, próximo ao Centro Histórico de Manaus), e o desfile de escolas de samba, além do Carnaboi 

Há um grande desfile de escolas de samba em uma passarela construída especialmente para o evento, o Centro de Convenções de Manaus, conhecido popularmente como Sambódromo. O primeiro desfile oficial de escolas de samba em Manaus ocorreu em 1947, sendo que a Escola de Samba Mixta da Praça 14 de Janeiro foi a campeã. Até 1979 os desfiles eram realizados na Avenida Eduardo Ribeiro. De 1980 a 1990 passou à Avenida Djalma Batista, na Zona Centro Sul e a partir de 1992 no Sambódromo, que possui a maior capacidade de público do Brasil (100 mil pessoas), localizado no bairro Dom Pedro, Zona Centro-Oeste. Nem o Anhembi em São Paulo (30 mil pessoas), nem a Sapucaí no Rio de Janeiro (72 mil e 500 pessoas) chegam próximos em números gerais. Segundo o livro "É Tempo de Sambar", de Daniel Sales. a pista do sambódromo possui 400 metros de extensão e 12 de largura, sendo que os desfiles das escolas de samba são quinta (Grupo de Acesso C), sexta (Grupos de Acesso A e B) e sábado (Grupo Especial). Além disso, há o Carnaboi, evento que reúne vários levantadores de toadas e bois-bumbá de Manaus e do Festival Folclórico de Parintins.

 

 

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Carnaval_de_Manaus

Foto: http://www.amazonianarede.com.br/

 

 

 

Please reload

Últimos posts

Exposição “Tarsila para Crianças” no Farol Santander, uma programação incrível de férias para seus filhos

1/10
Please reload

Mais postagens
Please reload

Fale Conosco - São Paulo - Brasil
Redes Sociais
São Paulo-Brasil
Realização: